CORDEIRO de ITIÚBA
Consulte antes um POETA
Capa Meu Diário Textos Fotos Perfil Livro de Visitas Contato
 
DIA DE CÃO

 
Ontem
Quase morro
Era sexta feira
Não era treze
Mas deu muito...
Azar
As águas do tietê
Não paravam de subir
"Subir mas tamancas"
Não iria resolver
Mas preferia morrer
Do que deixar o carro
Morrer
E não chegar em ITIÚBA

Onde se vive! 

S. Paulo, 19/12/2008
www.cordeiropoeta.net
 
CORDEIRO de ITIÚBA
Enviado por CORDEIRO de ITIÚBA em 19/08/2018
Comentários