CORDEIRO de ITIÚBA
Consulte antes um POETA
Capa Meu Diário Textos Fotos Perfil Livro de Visitas Contato
DIAS CONTADOS

Ando contando os dias
Pra te encontrar
E te contar como tem sido
Meus dias
O que é a agonia de viver
Pensando em você
Noite e dia

Já não me encanta
Os dias ensolarados
Nem passo o dia deitado
Quando chove e faz frio
Dias a fio, fico vendo
Apenas o ponteiro girar
Com o desafio de descobrir
Seu novo número
E doravante te ligar diariamente
Pra te contar meu sonho
De ainda dormir um sono
Agarrado contigo. De conchinha
Com minha mão na sua...

Enquanto isso não acontece
Fico da janela a olhar
O trem que passa sentido Itaim
Sentindo saudade de quando
Estava indo todo domingo
Pra sua casa, em busca de amor
E odeio admitir: encontrava!

Mas estava com os dias contados


S. Paulo, 31/10/2017

www.cordeiropoeta.net
CORDEIRO de ITIÚBA
Enviado por CORDEIRO de ITIÚBA em 13/02/2018
Comentários