CORDEIRO de ITIÚBA
Consulte antes um POETA
Capa Meu Diário Textos Fotos Perfil Livro de Visitas Contato
DRUMMONDIANA


    Quando nasci
   Um anjo
   Carlos
   Esse que vivemos
   À beira de seus versos
   Disse: chega mais perto
   E contempla as palavras

   Quarenta anos depois
   Tem dias que contemplo
   A vida
   E não acho a chave

   Eu não devia escrever
   Mas este desprezo, mais
   Esta falta de sono
   Botam a gente meio...
   Poeta


   S. Paulo, 09/02/2004

     www.cordeiropoeta.net
 
 
CORDEIRO de ITIÚBA
Enviado por CORDEIRO de ITIÚBA em 10/02/2018
Comentários