CORDEIRO de ITIÚBA
Consulte antes um POETA
Capa Meu Diário Textos Fotos Perfil Livro de Visitas Contato
POEMA PRA LINDOMAR


   Lindo,  o mar
   Visto assim, pela primeira vez
   Mas quando nos apegamos a ele
   Ele derruba nossos castelos de areia
   E inevitavelmente, entra areia
   Nos nossos sonhos

   Lindo mar
   Amar no mar, é lindo
   Com luar e rindo
  
   Rindo do castelo destruído
   Do sonho destruído
   Sonhando com outro castelo

   Pois, como mar
   Amor e sonho
   Não morrem

   Jamais!

   S. Paulo, 11/02/1998
   cordeiro1110@hotmail.com
CORDEIRO de ITIÚBA
Enviado por CORDEIRO de ITIÚBA em 31/05/2010
Comentários